Publicado em Deixe um comentário

Como abrir uma empresa: Receita Federal é indispensável no trâmite do CNPJ

como-abrir-uma-empresa

Você está buscando informações sobre como abrir uma empresa? Está se planejando para deixar de ser funcionário e passar a ser seu próprio patrão, mas tem dúvidas relacionadas a abrir um negócio?

Saiba que isso acontece bastante e que um dos pontos de maiores dúvidas é como ter um CNPJ. Isso porque, sem esse documento, nenhuma empresa pode funcionar e, se o seu proprietário desrespeita a lei, pode ver o seu empreendimento ser fechado imediatamente.

Abrir empresa é algo que demanda atenção a detalhes como:

  • Onde ela ficará?
  • Há muita concorrência nas redondezas?
  • Quais serão os serviços prestados?
  • Quais serão os produtos vendidos?
  • Haverá sócios?
  • Qual será o regime de tributação?

Na hora de aprender como abrir uma empresa, todas essas coisas contam bastante. No entanto, o último item é um dos que precisam de mais cuidado, já que ele ajuda a definir a margem de lucro e será solicitado no cadastro da empresa.

Para abrir microempresa, não precisa da Receita Federal

Muita gente já tem um negócio aberto, já atende a clientes e até já tem alguns consumidores fieis, mas precisa de oficialização, o que significa criar CNPJ. A microempresa, porém, pode ser formalizada sem passar pelo cadastro feito no site da Receita Federal.

Nesses casos, o Portal do Empreendedor é a opção correta e ele pode ser acessado por aqui. Para a abertura de empresa, será preciso clicar uma vez em “Formalize-se” e clicar de novo, quando essa janela surgir novamente. Logo depois, o site do Portal do Empreendedor começará a perguntar detalhes da empresa.

Como abrir uma empresa individual? Precisa abrir CNPJ?

A empresa individual também é chamada de EI e é uma forma de tributação que se encaixa no regime Simples Nacional. Para que um empreendimento dessa natureza seja oficializado, bem como todos os outros que não são MEI, é sim necessário fazer o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica no site da Receita Federal aqui.

Fica bem claro que há diferenças referentes a como abrir uma empresa e como abrir uma microempresa; porém, os processos em questão também possuem certas semelhanças, a começar pela necessidade de escolher um bom espaço.

Cuidado com a localização

Empresas de todos os portes são bastante prejudicadas quando existe uma forte concorrência na região. Considerando isso, é claro que a descoberta de um espaço com poucos empreendimentos do mesmo setor é sempre valiosa e evitará que se tenha de disputar clientes.

Antes de dar início ao processo de documentação e de oficialização das empresas, é mais seguro pesquisar profundamente os negócios que se encontram no mesmo quarteirão ou, preferencialmente, no mesmo bairro.

É claro que não se pode deixar de recomendar também a assessoria de um contador para todo o processo de abertura de CNPJ e de registro da documentação na Junta Comercial.

Em cada município, as exigências feitas para que uma empresa comece a funcionar podem ser bem grandes e o conhecimento de um contador será sempre insubstituível.

Leia mais no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *